x

Cores

um dia, em conversa
dizia-me alguém:
"não sou racista mas não conseguia namorar com um negro"
rewind...
"não sou racista mas não conseguia namorar com um negro"

isso não é racismo?
eu namorei com um negro
era o meu Will Smith na altura
-saído do Fresh Prince of Bel-Air-
os abraços e beijos que trocamos
não tinham côr nem textura especial
apenas amor.

nessa altura o Gabriel ainda era um verdadeiro Pensador
-e eu ouvia-o como quem lê um livro-
e escrevia textos que ainda hoje me saltam à memória em várias situações
recito-os mentalmente
até os canto se necessário

Muitos negros roubam mas muitos são roubados
E cuidado com esse branco aí parado do seu lado
Porque se ele passa fome
Sabe como é:
Ele rouba e mata um homem
Seja você ou seja o Pelé
Você e o Pelé morreriam igual
Então que morra o preconceito e viva a união racial
Quero ver essa musica você aprender e fazer
A lavagem cerebral
Lavagem Cerebral - Gabriel, O Pensador

6 comentários:

  1. Ai eu nao me importava... nao sou minimamente racista, para meu orgulho. :)

    ResponderEliminar
  2. AH GANDA GABRIEL!!!

    realmente...
    acho que já vi especimes de todas as raças (dentro dos humanos de sexo feminino) com quem era capaz de ter alguma coisa...
    sou mto esquesito... mas as diferentes raças atraem-me pelas caracteristicas especificas de cada uma.
    É arte... e misturas ainda mais fixe =D

    ResponderEliminar
  3. Isso é que é uma grande verdade... para mim, no que diz respeito a raças sou totalmente daltónica!

    ResponderEliminar
  4. Se pudéssemos ver as cores no interior da pessoa, aí sim seria outra história!

    ResponderEliminar
  5. As pessoas não podem ser vistas à custa das cores da suas peles...todas as pessoas valem pelo que são no seu interior,qual é o problema de namorar para um negro?Os olhos do coração/alma , são completamente cegos nessas coisas...é uma questão de fechar os olhos físicos...e deixar-nos levar pela sinceridade dos nossos sentimentos,deixando-nos permanecer abertos aos outros,independentemente de cor ou credo...independentemente de tudo!

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.
Design + development by MunichParis Design