S. Martinho ao almoço

para além das ruas e da paisagem
gosto, no Porto, da relação que se cria entre as pessoas.
trabalhava aqui há algumas semanas e já o homem do talho,
a mulher do quiosque, os donos do café e a mulher da peixaria
(essa santa que me arranja e tempera o peixe e, como se não bastasse, vem entregar à porta do escritório)
me cumprimentavam com bom dia ou boa tarde, menina.
gosto disso.
perguntam-me pela mais pequena, elogiam-me a roupa nova,
perguntam se estive doente quando me ausento,
resumidamente, são uns amores.
sempre com este sotaque lindo e quente que eu adoro
-e que herdei com orgulho-
que aproxima as pessoas e as trata por tu.

hoje fomos prendados com esta sobremesa.
a custo zero. e com sorrisos de alegria por nos verem satisfeitos.
" bebe lá este Favaios, que trabalhas mais quentinha."

eu bebi e não tenho frio.

7 comentários

  1. Sua bebeda lolololll que lindo! Nada como trabalhar num sitio assim.

    ResponderEliminar
  2. tao queridos:)
    eu sou de Lisboa e adoro gente assim e de ir ao Porto!
    Gosto da convivencia que se tem, de se conhecerem todos e da preocupação que tem uns pelos outros, é bonito de se ver!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Eu também adoro o sotaque do Porto. Pena é de forma geral os portuenses não gostam muito dos lisboetas.

    ResponderEliminar
  4. au chocolat: acho que isso se aplica mais em termos futebolísticos e acho que é recíproco.

    se és de Lisboa e vieres cá, tenho certeza que és bem recebida. ;)

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.