x

This is me

imagem do blog da Geninne, que eu adoro e visito diariamente

Eu vivo numa moradia perto do mar que não se parece com a casa dos meus sonhos. No entanto, é só aqui que me sinto em casa. Há alturas em que estes quartos se enchem de amigos a falar alto, outras alturas há em que apenas o riso dela e o ressonar dele me fazem sentir completa. A idade que tenho, e que não é muita, trouxe-me uma paz que não consigo descrever. Tenho certezas e incertezas mas sei o que quero e pela primeira vez, não me importo de o dizer e de lutar por isso. Adoro sentir-me bonita. Cada vez me interesso e entendo melhor as "leis" da moda, que não são mais que o encontro do nosso estilo. Estou mais selectiva que nunca. Leio o que me interessa e ligo o ecrã no que considero interessante. Não faço esforço nisso mas confesso ficar muito feliz quando não conheço quem está nas capas das revistas "cor-de-rosa". Não me faz falta para ter tema de conversa. Não vejo a Oprah nem a Tyra mas não resisto ao Biggest Loser. Digo que não gosto de fado mas adoro Camané. Ouço Hip Hop mas também Jazz e música clássica que sempre tocaram na aparelhagem do meu pai. Gosto de ir a Serralves, da mesma forma que deliro quando assisto a jogos no Dragão. Não me interessa concordar com as maiorias mas sim, ter oportunidade para defender o meu ponto de vista. Não quero ser famosa e só jogo no Euromilhões se ele me pedir. Continuo a achar que é pelo mérito que somos recompensados. Adoro fazer a mais pequena feliz mas sei dizer não. Nunca liguei a marcas, gosto de comprar barato e não sei regatear preços. Acho que as pessoas têm sempre boas intenções até me provarem o contrário. Nessa altura sou uma fortaleza. Só sei o meu peso nas consultas médicas. Acredito que só o exercício nos deixa em forma, é a melhor dieta. Adoro sentir o coração bater forte e o corpo cansado. Faz-me sentir que a "máquina" funciona bem. Se há dias em que me sinto triste, tenho a força suficiente para lavar a cara e seguir em frente. Luto sempre por isso, por sorrir muito. Não gosto de chatices. Gosto de dizer às minhas amigas que estão bonitas. Gosto de lhes oferecer presentes. Não quero ter uma Playstation mas adoro o meu Ipod.

Eu vivo numa moradia perto do mar que é a casa de todos os sonhos. Faltam algumas coisas e, no entanto, tenho aqui mais do que alguma vez sonhei. A felicidade.

35 comentários:

  1. Lindo lindo lindo
    grande mulher e grande amiga
    Adoro-te gaja
    (ja mandei e-mail)~
    bjoooo

    ResponderEliminar
  2. Que lindo este teu post... espero um dia poder dizer o mesmo da minha, bjs

    ResponderEliminar
  3. Que GRANDE texto! ADOREI. ADOREI. ADOREI.

    E é por seres como descreves que venho cá todos os dias. Religiosamente.

    :)

    ResponderEliminar
  4. Que inspiração! Adorei! Estava aqui num intervalo de uma tarefa e num dia que não está a correr muito bem. Pensei vou passar pela minha art para ver se me animo. :) Conseguiste! :) beijos nossos

    ResponderEliminar
  5. america: vou já ver o email;) e tu és uma daquelas amigas que falo no texto... e andas sempre giraça;)

    Bela: tenho certeza que sim. um beijo

    Filipa: obrigada. o sentimento é recíproco;)

    ResponderEliminar
  6. Que lindo texto! És mesmo tu, sem tirar nem pôr:-) Continua a ser quem és, que é por isso que gosto tanto de ti ( e te admiro:-)). Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Que lindo! Adorei ler e revi-te nesse texto. Apesar de não te conhecer bem, és tudo o que imagino.
    Continua com essa felicidade e essa força!
    Beijos *.*

    ResponderEliminar
  8. blue: tenho saudades tuas. manda um email com novidades;)
    beijos... tu conheces-me:)

    ResponderEliminar
  9. Eu vivi uma parte da minha vida com janelas viradas para o Tejo e vim encontrar a casa dos meus sonhos, com janelas viradas para a serra. Somos nós que fazemos a nossa casa, de todos os sonhos.
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  10. Casa não é lar e habitar não é viver! Tu vives num grande e harmonioso lar... com toda a certeza! E por isso é tão interessante conhecer-te e fácil gostar de ti... como é que eu hei-de dizer isto... acho que és como a tua moradia perto do mar... "acolhedora"! (P.S.- lindo texto "Maria"!!!)

    ResponderEliminar
  11. Vim ler este teu texto e fiquei de lagrimita no cantinho do olho. Revi-me em tanto do que disseste!
    Parabéns pelo jeito de escrever que me cativou desde a 1ª linha:)

    Beijinhos**

    ResponderEliminar
  12. Também espero atingir esse estado de tranquilidade. A moradia perto do mar já está. Falta pouco?

    ResponderEliminar
  13. mais uma vez te digo...que maravilha existirem mulheres assim...maravilhosas! e digo isto com a lagrimita no canto do olho.

    ResponderEliminar
  14. obrigada a todas as "Marias" que aqui comentaram. tb eu fiquei de lagrimita no canto do olho a escrever isto... há dias assim.

    beijos

    ResponderEliminar
  15. Adorei ler este teu post e confesso que senti uma grande paz:) No fundo sinto-me exactamente como tu, apesar de ver a oprah:) hihi! bj

    ResponderEliminar
  16. Rita G: o interessante é mesmo isso, a variedade de opiniões. Podes ver Oprah e ser do slb que eu gosto na mesma de ti... e do teu Alentejo, sempre. beijo

    ResponderEliminar
  17. Art,
    de certeza que já te disseram isto antes, mas o que mais gosto mais em ti e neste teu espaço é o teu gosto pela vida e o teu pensamento positivo. Nunca aqui li um post triste, em tom desiludido. Se às vezes estás desanimada nunca deixas de terminar o teu pensamento com esperança e energia!Sinto que aprecias as pequenas coisas, que gostas de mimar quem amas. Lá no Alentejo e nova Iorque gosto de falar das malas, das roupas, e de facto adoro tudo isso, mas tal como tu vivo bem com muito menos porque no fundo aquilo que é mais importante nós temos:) Bj!

    ResponderEliminar
  18. obrigada Rita.
    eu tb gosto de ipods;)
    um beijo

    ResponderEliminar
  19. Lindo post. de me por de lagrimita nos olhos, mas obrigada por partilhares.
    beijo grande

    ResponderEliminar
  20. palavras que soam a amor, segurança e tranquilidade. :)

    concordo com a Rita, tens sempre um espírito positivo aqui no teu cantinho.

    bjs*

    p.s: quem tem medo do Pinto da Costa? ahahaha ;) eu não ART, eu não. :P

    ResponderEliminar
  21. Susie: obrigada. um beijo grande

    Pinkk: que querida. medo? nada de medos;) um beijo

    ResponderEliminar
  22. Gostei de conhecer através deste lindo texto um pouco mais da art.soul :)
    ... como alguém dizia num dos comentários "Somos nós que fazemos a nossa casa, de todos os sonhos." :)
    Beijinho e vou continuar a seguir este teu cantinho.

    ResponderEliminar
  23. Gostava de saber escrever assim... Gostei mesmo MUITO! Bjs***

    ResponderEliminar
  24. Lindo... lindo mesmo e que bem que escreves!

    ResponderEliminar
  25. O que dizer quando se fica sem palavras.....
    Absolutamente.... BRUTAL!!!!
    Força aí. Beijinhos

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.
Design + development by MunichParis Design