Para pensar...

Recomeça....
Se puderes
Sem angústia
E sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.
E, nunca saciado,
Vai colhendo ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar e vendo
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças...


Miguel Torga

5 comentários

  1. Para pensar e bem. É bastante profundo.

    ResponderEliminar
  2. Um poema cheio de palavras suaves e ao mesmo tempo com tanta força...recomeçar sempre com calma, erguer-se lentamente conquistando o mundo um dia de cada vez:) bj e bom fds:)

    ResponderEliminar
  3. Fiz deste poema um modo de vida e deste autor uma amigo para a vida! A minha vida nunca mais foi a mesma! Podes crer!

    ResponderEliminar
  4. Obrigada! é fantástico e chegou-me no dia certo. :)

    ResponderEliminar
  5. Sísifo, do brilhante Miguel Torga! Foi a minha professora de português do 11º ano que mo deu a conhecer e desde então é um dos meus favoritos... :)

    http://agre-e-doce.blogspot.com/2009/12/um-fruto-de-outono-e-um-poema-para.html

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.