x

ontem, hoje e sempre

(foto do meu passeio na hora de almoço)

ainda trago comigo o cheiro, o tom de voz, o sorriso, o toque e a fofura da barriga dele contra a minha, no abraço que sempre lhe dava.
tento gerir a dor da perda e o amor incondicional que sei ser eterno e que me conforta.

mas sinto falta do abraço que "ainda ontem" lhe dei.

o exemplo de vida que ele representa para mim, os valores e conselhos que me transmitiu, as conversas infinitas sobre a história do local onde vivemos (que poucos, como ele, tão bem conhecem), a procura diária pela informação e conhecimento da actualidade, as leituras que o apaixonavam e o acompanhavam à cabeceira, as caminhadas à beira mar.
tudo isso me fortalece. me faz sentir herdeira de um tesouro valioso que me "alimentará" durante toda a vida.
tudo isso mas essencialmente, o exemplo (para mim) perfeito de amor entre um casal. a cumplicidade e o carinho que não se perdeu com o passar do tempo. porque se renovou, a cada obstáculo. porque se fortaleceu a cada dificuldade.

e nesta altura, curiosamente, dizer que era o melhor avô do mundo não faz justiça ao que vai cá dentro. prefiro senti-lo como meu. não do mundo. meu e só meu. sangue que corre no meu sangue. parte de mim.

perdi o meu avô, ganhei um Herói.

o último adeus aconteceu, precisamente, no dia de aniversário da minha avó...
uma explosão de emoções à qual se juntou o Céu, irado, em forma de tempestade.


*um beijo hiper especial à Fios e à SAV (comadre, desculpa a ranhoca que deixei no teu ombro), por terem estado presentes na despedida. e outro beijão à minha prima "seguidora anónima" (oi raquel)

quando as palavras estão gastas, um xi-coração diz tudo.
e sabe tão bem.

27 comentários:

  1. Um grande abraço para ti, art, neste teu momento de dor.

    As pessoas que nos são especiais "apenas" desaparecem fisicamente, mas permanecem para sempre dentro de nós.

    Força, coragem e um beijinho.

    ResponderEliminar
  2. Artezinha, sinto imenso a tua perda. Ler este teu texto partiu-me o coração, acredita. Um beijo enorme de força. Se precisares de algumas coisa não hesites em enviar um email, OK?

    ResponderEliminar
  3. Um abraço por vezes diz e faz muita coisa!
    Que descanse em paz o teu Herói.
    Um abraço bem forte para ti Art

    Baci*

    ResponderEliminar
  4. Um abraço apertado e um carinho especial daqui dos meus momentos.
    Muita força, é sempre doloroso perder alguem tão chegado a nós.

    Bjstos

    ResponderEliminar
  5. Sabes Artzinha, por muito tempo que passe vais continuar a sentir o cheiro, o tom de voz, o sorriso... quando as pessoas são assim especiais ficam connosco para sempre.

    Beijinho grande xxx

    ResponderEliminar
  6. Art, acompanhei este percurso em silêncio, mas não posso deixar de comentar hoje. Também já perdi o meu avô e conheço essa dor. Parece que nos é roubado um pedaço da infância, do nosso ser...
    Toma conforto em tudo o que ele te ensinou e na importância que tem para ti.
    Um beijinho grande e força.

    ResponderEliminar
  7. Um abraço muito forte e um bjinho... Força, sei bem quanto isso custa!! Agora, tens uma estrelinha no céu que te acompanhará para sempre!!!

    Bjinho*

    ResponderEliminar
  8. Os amigos são assim. Presentes em todos os momentos. Beijo grande e um xi-coração apertado.

    ResponderEliminar
  9. São perdas que nos arrasam, mas é como tu dizes, ganhaste um herói e tens tanta coisa boa para o lembrar!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Merda! Cairam-me as lágrimas! Porra! Logo hoje que estou no modo tarado ;) só tu para me chamares à terra!

    ResponderEliminar
  11. Lamento muito a perda de alguém que amavas muito, e que continuarás a amar apesar de já não estar presente. Ficam na memória os bons momentos, tudo o que ele te "deu" e que faz de ti a pessoa que és hoje! bj grande.

    ResponderEliminar
  12. Minha querida, transformaste a dor da tua perda num sentimento poético... acho foi uma bela homenagem, que o teu avô ia gostar de ler...
    Mais uma vez, e mais do que possas imaginar, lamento a tua perda e a tua dor!

    P.S. - Ah... e tenho um ombro, ou dois, disponíveis bem pertinho de ti a partir de sábado...

    ResponderEliminar
  13. Este texto é tão bonito. Estou arrepiada e de coração apertado. Um beijinho grande para ti. Se precisares de alguma coisa, é só dizeres!

    ResponderEliminar
  14. obrigada a todos:)

    é bom estar de volta.

    ResponderEliminar
  15. Conheço a tua dor pois também perdi uma avó muito especial há 3 anos e ainda hoje é dia que não sinto a falta dela....É duro perder alguém de quem se gosta e tão importante na nossa vida. Adorei o teu texto.

    ResponderEliminar
  16. Sinto muito a tua perda, amiga! Comecei a chorar às primeiras palavras, tão belas e sinceras... Estou certa de que partiu sentido-se também ele abençoado por ter vivido rodeado de tanto amor. beijos enormes, nossos**

    ResponderEliminar
  17. Sou leitora regular do blog, nunca comentei, mas hoje apetece-me enviar-te um beijinho!

    Maria Leonor
    umdocedecasa.blog.com

    ResponderEliminar
  18. Querida amiga... não há palavras que consigam substituir um abraço, um beijinho com carinho... por isso imagina-me ao teu lado a dar-te um xi bem apertadinho e um beijinho do fundo do meu coração...

    ResponderEliminar
  19. Não tive esse tipo de relação de proximidade com os meus avôs e sinto pena por isso.
    Ele vai ficar sempre aí nos vossos corações e na vossa alma. Muita força! Beijinhos

    ResponderEliminar
  20. Quando há dias li um post da SAV associei logo a ti...mas como não tinha certeza não quis estar a escrever porque poderia magoar-te. Sinto muito, do fundo do coraçã. Resta-me enviar-te um xi-coração apertadinho e um beijo enorme.

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.
Design + development by MunichParis Design