a nossa Serra

se me perguntarem, digo que és minha Freita.
gosto de te ter por perto, de te sentir presente. já percorremos todos os teus trilhos e repetimos pegadas, numa constante descoberta. já te vi branca e gelada. já te vi verde e fresca. já fiz merendas contigo, florida de lilás. ao sentir-te quente, mergulhei nas tuas águas.
gosto de ti sempre.
de qualquer maneira.
o Natal foi apenas mais um dia em que senti a tua chamada.
aqui o tempo é outro. a tua paisagem abraça-me e dá-me o conforto que as palavras não encontram. o mundo gira a outro ritmo, ao teu ritmo. há animais que passeiam junto ao céu. e é para lá que olho. que procuro. que te procuro. que me lembro de ti.
sinto-me bem aqui no alto. rodeada de pedras, envolta nesta brisa, com cheiro a vaca e plantas selvagens. contigo e com ela. sem montras nem ecrãs. a saltar, a correr e a pinchar em cima destes montes. lá do cimo deste meu mundo. e a cantar.

3 comentários

  1. Eu tambem quero um pouco dessa serra, adoro-a tem sitios magicos
    bjinhos

    ResponderEliminar
  2. A saudade é uma coisa tramada.
    Beijos *.*

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.