x

hoje é o primeiro dia do resto da tua vida

hoje abri o blogue e tinha 160 seguidores na página de facebook mais parada do sistema informático nacional. hoje abri o blogue e tinha 450 seguidores de um espaço com pouco espaço para "coisas de gaja". e, acreditem, sou gaja com as minhas (muitas) vaidades mas não é isso que faz a minha essência. 
há cerca de três anos atrás, quando cheguei à conclusão que, em vez de culpar o mundo, talvez fosse melhor estratégia mudar o que sentia que estava mal e criei este espaço. criei da forma mais egoísta possível, tipo diário de adolescente, uma caixa de segredos que queria encher com o que atinge directamente no coração. projectos criativos, ideias pouco usuais, estilos de vida "inconformados", recordações de uma infância muito feliz, relatos de uma mulher perdidamente apaixonada (a cantar desde 1996) e histórias típicas de mãe de uma filha que me orgulha, me tranquiliza e me preenche a alma... ao ponto de me realizar, a 100%, no papel de mãe que adoro. 
tenho-te a ti, meu doce bom. 
é por mim que tomei a decisão mais radical, na minha vida, até hoje. 
é essencialmente por ti, filha, que tenho orgulho em estar a construir uma história, de crença no que somos, de orgulho na entrega e devoção ao que sabemos fazer de melhor: aquilo que faz parte de nós. 
é por ter em casa um marido irrepreensível, o meu melhor amigo, companheiro e muito palhaço, super giro e do qual não duvido (por um segundo) do amor que sente por mim, que me sinto segura de ter tomado a decisão certa.
é pelos pais completamente doidos que habitam na casa mais caótica na "terra com nome esquisito" que assumo uma posição. que digo "basta" e sigo em frente. na certeza de ter ali o apoio, a ajuda nunca negada. o exemplo de pais mais invulgar mas sempre presente. sempre disponível. o colo que ainda uso e abuso, sem vergonha, sem pudor. para sempre. 
é tua irmão, a banda sonora que me acompanha. é a tua voz e a tua guitarra que anima este meu virar de página. o mundo espera-te e vou para onde fores. e apesar do teu "six pack" irrepreensível, hei-de sempre lembrar-te no modo "pato Donald", com essas pernas de alicate e rabo insuflado por fraldas de pano que tantas vezes te mudei. 
nas minhas avós tenho o exemplo. 
uma dela é um campo fértil, de flores, frutos e desfolhadas. bolachas maria entregues às escondidas. matança de porcos e natais numa mesa sem fim. com primos que se chateavam com o Monopólio (era sempre o mesmo a ganhar) e que a seguir soltavam gargalhadas enquanto devoravam travessas inteiras de aletria.
a outra avó é uma máquina "Oliva", com linhas e tecidos pelo chão. são as camisolas de lã que mais ninguém tinha, as mini-saias de fazenda em todas as cores imagináveis. são braços abertos para fazer novelos e uma infância repleta de sorrisos, a ver TV deitada debaixo da mesa da sala de jantar, contigo primo.

e tu, avô. és tu o meu exemplo
foi em ti que pensei e é a ti que dedico esta tomada de decisão. és tu o maior exemplo de integridade e amor. não há história principesca que consiga bater a tua. e prometo que irei continuar a lembrar a avó de pôr batom nos lábios. por ti vestimos cor. o preto não presta homenagem ao que representas para nós. 

primos. já viram bem o tamanho do pinhal que parecia infinito? lembram-se das pistas de cross? conseguem imaginar deixar os vossos filhos subir ao sobreiro, passar para o eucalipto e vê-los descer pelo tronco, tipo macaco? conseguem imaginar o stress dos nossos pais quando só terminávamos as escondidas quando o céu já não nos dava a luz necessária? 

tanta letra. tanta palavra e sei lá bem no que isto vai dar. sei o que sinto. hoje. 
hoje sinto-me imbatível. hoje sinto-me crescida. sinto-me realizada. sinto-ME. a mim e a mais ninguém. hoje sou eu. não sou a pessoa que faz isto e aquilo. sou eu atrás do que sei fazer. sou eu teimosa como poucos, a achar que é por aqui e não por ali. sim, há apoios. sim, há condições para tal. mas essencialmente, há muita força de vontade e muita aversão ao "deixa andar". não sou empreendedora, sou sonhadora. sinto que era isto que queria fazer desde sempre. se não resultar, tentei. se tiver de recuar, pelo menos tentei dar um passo em frente. eu não era eu. e agora sinto que sou, consigo respirar fundo antes de responder, voltei a dançar e tenho as tintas à minha espera. 

e a vocês... sim, tu e tu e tu, pessoal virtual, real, blogosférica... tu foste essencial. mesmo sem comentar. mesmo sem seguir, mesmo só porque vos desafiei através de fotografias diárias, mesmo só porque escrevi com o coração nas mãos. seja porque motivo for estiveram aí. e mais, muito mais, que preocupações por uma melhor nutrição da minha pele, por um maior brilho da minha juba, por saber do crescimento ou cor das minhas unhas (a propósito, voltei a roer na semana passada mas isto vai lá!), quiseram saber dos meus rabiscos. das minhas cores e das minhas texturas. e apoiaram, de uma forma e intensidade tal (duvido que alguma vez tenham a noção) que vos estarei para sempre grata: Guiga, Mokas, Rita G., Filipa, Su, Ana Sofia Santos, Hugo Macedo, Pepper, Analog Girl, Ombemua, Bê, Miss America, Vera, Ana Pina, The Girl Chic, Paula Alarica, Universo Peca, Vecas, Sara Viana, Candybabe, teimosa comadre SAV, Noky, Dulce Agre&Doce, Alice. a todos e todas, agradeço.

vou ausentar-me durante alguns dias. 
quero preparar o site e lavar a cara ao blogue. tenho trabalhos à minha espera. quero gozar mais umas férias a três. quero encher o peito de ar e recomeçar. quero muita coisa. basicamente, e reduzindo ao essencial, quero ir buscar a minha filha à escola e vê-la antes das 19h, pode ser? somos gajas, e tema de conversa é coisa que nunca nos falta... digamos que a hora do banho nos sabe sempre a pouco. precisamos de trocar ideias. e há um parque com golfinhos saltitões, ali perto da foz do Douro, que raramente visitamos e de vez em quando sabe bem visitar outro parque. o que fica perto de casa já conhecemos do avesso. e gostamos de comer queques de maçã e canela à beira mar. não é pedir demais, pois não?
até já

e obrigada.
Marta "artezinha" Barros Sousa
(disse o Mokas nos primórdios que tenho ART+SOUL no meu nome. e a verdade é que nunca tive duvidas quanto ao título do blogue. cenas do destino? acaso? coincidências? sei lá carago... eu só quero é ser feliz)

41 comentários:

  1. Já por aqui ando desde o ano passado mas nunca comentei nada :)
    Mas hoje não resisto a desejar boa sorte e a dizer que estas tuas simples palavras me fizeram chorar. Estas tuas palavras as palavras de incentivo que muitos precisamos ouvir.
    Beijinhos boas férias e boas sorte para o que por aí vem :)

    ResponderEliminar
  2. obrigada Paulinha :)

    Miss Desastre,
    muito obrigada. já corrigi alguns erros no texto... confesso que também tinha umas lágrimas à espreita enquanto escrevia o texto... mas não sei se foi o vinho verde que acompanhou o almoço de despedida a fazer efeito.
    hehe
    vai comentando, gosto de vos ouvir:)

    ResponderEliminar
  3. Oh pá! Isto não se faz a uma mulher grávida com as hormonas instáveis...
    Este texto (para lá de bom!) deixou-me emocionada (tive de ir a correr para a casa de banho, esconder as lágrimas). Mais uma vez te digo: tenho a certeza que vai tudo correr bem! Beijinhos e vai dando novidades!

    ResponderEliminar
  4. Filipa, a culpa é das sardinhas com salada de tomate e pimento, acompanhadas com vinho verde, ali na esplanada!!!!

    ResponderEliminar
  5. Olá artsoul,

    Eu amei este texto. Que texto bom!! Impecábel! :)
    Já te leio há tempos e tempos e sei que és uma valente princesa!

    Siga para bingo ;)

    ResponderEliminar
  6. olá Mia!!!

    Valente Princesa é fixe! Gosto de princesas valentes, não das cor de rosinha ;) hehe

    SIGA!
    beijos

    ResponderEliminar
  7. Pois, também fiquei com a lágrimita no canto do olho. Quem te manda escrever tão bem? :)
    E vou voltar a ficar com saudades tuas. Mal posso esperar pelo teu regresso em grande.
    Tudo a correr bem.
    Um beijinho grande*

    ResponderEliminar
  8. um dia escrevo um livro, Analog LOL

    ;) beijo grande

    ResponderEliminar
  9. Primeiro: Não sou teimosa, sou defensora daquilo que acredito.

    Segundo: Nem penses algum dia da tua vida que te vou dar razão quanto à cor que está na moda! Disso entendo eu.

    Terceiro: Acho muito injusto eu ficar sem a minha parceira das partilhas tristes laborais.

    Quarto: Com quem vou partilhar este mundo de fofocas que dizes que não gostas de saber mas que me ouves sempre?

    Quinto: Com isto vou gastar uma fortuna em apoio psicológico pois ficavas-me bem mais barata.

    Sexto: Já não tenho o tarifário fantástico que me permitia estar horas na conversa vê lá se compras um telemóvel de empresa.

    Sétimo: Não só mais uma na tua vida blogosférica, SOU A comadre.

    Oitavo: Sou aquela que chorou à janela em dia de Páscoa quando me disseste que me tinhas escolhido para madrinha daquela que era a bebé mais linda que conhecia.

    Nono: Sou aquela que NUNCA em qualquer altura do dia duvidei que eras uma fulana talentosa e que devia mesmo apostar nessa criatividade que te saí pelos poros.

    Décimo: AMO TU! Trenga sensível :)

    ResponderEliminar
  10. Bemmmmm..... com tudo isto só pode correr bem claro =))))

    Adoro saber que ainda há quem consiga viver os sonhos =)

    beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Um texto escrito assim só podia se teu, Art. Sente-se em cada linha que escreves a tua garra, a tua emoção e principalmente a tua felicidade.

    Desejo-te do fundo do coração que tenhas muito sucesso. Tenho a certeza que a vida tem reservadas para ti muitas mais boas surpresas.

    Uma beijoca grande e sê muito feliz!

    ResponderEliminar
  12. primeiros: eu tb defendo o que acredito = sou teimosa

    segundossss: podes saber a cor mas eu sei o PANTONE

    terceiros: eu sou gaja que gosta de partilhar, e não irei mudar nesse aspecto... além disso, o meu futuro não será um mar de rosas, seguramente

    quartossss: prefiro falar disso em conversa, a rir, do que ver links do correio da manhã inglês ;)

    quintos: não seja por isso, passas lá em casa e comes uma tarte de cheesecake, ficas logo melhor:D

    sextos: liga da ZON que é gratuito

    sétimossss: desculpa mas já fui advertida acerca desta cena das identidades secretas e por isso prefiro manter o low profile

    oitavos: entendo e fiz o mesmo quando retribuíste na mesma moeda

    nonos: "eu sou aquele que te quer, e mais ninguém, amor é só quereres porque eu só quero bem"

    décimosss: e finalmente (chata) EU AMO VOCÊ

    ResponderEliminar
  13. just like honey: espero que sim!!! LOL

    ResponderEliminar
  14. Soinita,
    obrigada e espero não vos desiludir :)

    ResponderEliminar
  15. No dia em que eu chegar aqui e nao gostar, amar, emocionar-me, sorrir ao ler os teus textos o mundo esta do avesso!

    Que coisa boa!
    Que delicia de palavras.
    Que bichinho nasce em nos quando lemos parágrafos assim!
    Parabéns Marta, parabéns art!

    Que todos os projectos da tua vida sejam excelentes como tudo o que aqui pões.
    Se feliz querida!

    Baci*

    ResponderEliminar
  16. obrigada Ombemua:)

    sinto-me em vésperas de viagem para o Machu Picchu :D
    vocês são demais :)

    ResponderEliminar
  17. Se já o post das batatas tinha mexido comigo, este então...
    Confesso que me emocionei com este texto, com o agradecimento que fazes, com a felicidade que transpareces e no final fica uma pontinha de inveja (saudável, atenção!) por não conseguir dar aquele passo...
    Desejo-te toda a sorte para o teu novo projecto!

    ResponderEliminar
  18. Oh pá...agora estou aqui com os olhos cheios de agua e lagrimas que teimam em cair....desejo-te toda a sorte do mundo, do fundo do coração.
    És uma inspiração.

    Bj do tamanho do mundo!!!

    ResponderEliminar
  19. Força e não olhes para trás!! Então e a mim não referes no teu post? Lol:o beijinhos

    ResponderEliminar
  20. A maior força para todos esses planos e que esses incentivos e inspirações continuem a sê-lo sempre, para poder haver sempre pessoas sonhadoras como tu, com vontade de arregaçar os braços e mudar a sua vida, mesmo que fique de pernas para o ar, para serem um bocadinho mais felizes todos os dias :)

    Parabéns pelo texto, minha querida, e por essa força extraordinária que demonstras!

    Um beijinho*

    ResponderEliminar
  21. Tu és ENORME ;) Agora sim,já há passado e um futuro cheio de coisas boas à tua espera;) Tu mereces. Xis meiguinhos ;)))))

    ResponderEliminar
  22. Ena pá esqueci-me de tanta gente que acho que vou eliminar ali a frase. Lol
    Vocês são todos(as) fundamentais, fantásticos e fenomenais!!

    ResponderEliminar
  23. Deixaste-me com vontade de tirar o cu da cadeira, pegar na mala e dizer: Adeus, depois mando carta de demissão!
    Oh gaja, que falta que me vais fazer!
    Obrigada por tudo!

    Voa!

    Beijos do coração!
    GUIGA

    ResponderEliminar
  24. Uma nova fase está a começar, com a garra que tens tenho a certeza que vai ser de sucesso :D
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  25. Sigo este pequeno "tu" há muito, sempre por trás da cortina. Gosto mais do Porto por ti; danço com mais prazer por ti; imagino mudanças na minha casa por ti; visito alguns locais por ti; sonho a relação com uma filha por ti... e hoje estou mais feliz por ti. :)
    Voa alto e muito... mas volta sempre a terra, a este canto onde todos somos mais nós, naquilo que é a essência do ser humano, aqui.
    Obrigada e muita sorte!

    ResponderEliminar
  26. Que vida tão cheia tens tu! Que orgulho deves ter em tudo isso, em todos os que te rodeiam, na dedicação e afecto que pões no que fazes, naquilo que vais construindo aqui e para lá deste espaço virtual que sabemos ser bem real!

    E que bom é ir conhecendo gente como tu por aqui, mesmo que nunca te tenha posto os olhos em cima... há laços que se criam porque há pessoas que são genuínas naquilo que fazem e isso vê-se nos detalhes!

    "Recomeça…
    Se puderes,
    Sem angústia e sem pressa.
    E os passos que deres,
    Nesse caminho duro
    Do futuro,
    Dá-os em liberdade.
    Enquanto não alcances
    Não descanses.
    De nenhum fruto queiras só metade"

    Deixo-te um excerto de Sísifo, porventura um dos meus poemas favoritos de Torga, para que te inspires e vás colhendo tudo o que a Natureza te ofereça!

    E deixo-te um sentido obrigada e um enorme beijinho! Até já!

    ResponderEliminar
  27. Não tenho palavras para descrever o quanto gostei deste teu post (escreves mesmo bem 'gaita' lol). E mesmo sem te conhecer pessoalmente vejo que és tu em cada uma destas linhas, que és de facto fruto destas circunstâncias.

    Tenho orgulho na tua decisão! O céu é o limite dos nossos sonhos.

    "A vida humana acontece só uma vez, e não poderemos jamais verificar qual seria a boa ou a má decisão, porque, em todas as situações, só podemos decidir uma vez. Não nos são dadas uma primeira, segunda, terceira ou quarta chance para que possamos comparar decisões diferentes" Milan Kundera "A insustentável leveza do ser"

    ResponderEliminar
  28. Um dia serei capaz e tomarei a mesma decisão. Obrigada pela inspiração e pelos textos e fotos e tudo o mais que leio todos os dias=) Boa sorte e muitas felicidades**

    ResponderEliminar
  29. Oh mulher, tu enches-me o coração de coisas boas mas deixaste-me aqui de lágrima no olho...

    Aproveita bem essas férias, não há nada melhor que esses pequenos momentos com os nossos pequenos.

    Beijinhos e já sabes que tens aqui muita gente que não duvida de ti!

    xxx

    ResponderEliminar
  30. É já a terceira vez que aqui venho para comentar este texto, e pela terceira vez choro. És especial miúda, já to disse várias vezes e repito. Desejo-te o melhor do mundo. Love you!

    p.s: e a emoção de me teres mencionado...sinto-me também especial por isso. obrigada.

    ResponderEliminar
  31. Olá Art! tenho andado um pouco mais ausente destas andanças, mas de qualquer forma, a minha resposta a esse enorme e delicioso texto que devorei letra a letra é esta: ":)" e estou certa que a entendes, pois encerra em si muitas palavras que opto por não escrever. Bjocasss**** "tás lá!" :P

    ResponderEliminar
  32. porque também eu fico sem palavras:
    OBRIGADA a todas.

    Blue: obrigada pelas "conversas" beijo

    Candy: ;)beijo

    CSM: a comadre leu-me o teu texto durante um almoço descontraído de ficamos as duas como "duas madalenas". muito, muito obrigada.

    Dulce: adoro esse poema;) "de nenhum fruto queiras a metade". beijo grande

    Teresa R., estaremos para sempre ligadas ao dia mais fantástico do ano;) beijos nossos

    Flor de Lotus, quem tem a agradecer sou eu, a cada um de vocês ;) beijo

    Paula, "alma gémea" nisto da maternidade. na dedicação e diversão, com que se deve desempenhar este papel. OBRIGADA. beijos

    Pepper: tb gosto muito de ti. dá um mergulho no Mussulo por mim;) beijo

    Universo Peca: e tu "estás aqui" ;) beijoca

    ResponderEliminar
  33. Boa sorte para esta nova fase e que corra tudo bem! Bjs

    ResponderEliminar
  34. Olha, só agora li o post e fiquei de lágrima no olho. E fiquei tão feliz de ver o meu nome neste texto tão sentido...os teus planos só podem dar certo, és corajosa, sonhadora e rodeada de pessoas que te dão muita força! abraço apertado e toca a arrancar para esta nova fase:)

    ResponderEliminar
  35. Forca Mulher, fico a' espera de novidades e super curiosa para ver o teu projecto! Desejo-te toda a sorte que desejo a mim e aos meus, gosto de te ler e acima de tudo gosto da garra que deixas em cada post! E este novo virar de pagina e' exemplo disso mesmo! Forca!

    Sara

    ResponderEliminar
  36. Só tenho isto a dizer, perante palavras tão sábias, tão gratas e tão enriquecedoras de uma mulher que "cresce todos os dias", pois tamanha gratidão não seria tão visível: ESPETACULAR! AMEI!

    ResponderEliminar
  37. Oh este post está mesmo qualquer coisa! artezinha és demais,mereces todo o carinho! beijinhos

    ResponderEliminar
  38. Durante o mês de Agosto andei desaparecida por terras de Santa Maria, Açores, mas agora voltei e não é que dou com este texto lindo?... Que bom saber que ajudei a dar força aos teus sonhos :)
    Estou certa que irás encontrar o teu caminho, fico a aguardar as novidades com curiosidade!

    ResponderEliminar
  39. Prima.... Acho que os deixo (os filhos) fomos muito felizes ali!!!! Só espero que não andem com os joelhos esmurrados, como andávamos tantas vezes :-)
    Beijo Beijo

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.
Design + development by MunichParis Design