x

Para o meu pai

Eu, em criança / Me as a child

Quando eu era criança o meu pai era professor de matemática e tinha bigode.
Dançou comigo músicas do Carlos Paião e ensinou-me a nadar. Naquela altura dizem que eu andava sempre agarrada à perna dele. Quando a electricidade falhava, acendíamos uma vela e cantávamos, enquanto ele tocava viola. Nas férias, passava horas comigo a fazer castelos com a areia fininha do Algarve, podíamos ficar na zona de areia molhada porque lá a água era quente e as ondas não nos arrastavam com elas. Também tínhamos um barco de borracha azul e branco, com remos, no qual ele me levava para "mar alto" e, apesar da cara aflita da minha mãe, mergulhava. Eu ficava sozinha a bordo, indecisa entre o pânico e a alegria de o ver fingir que era o Vasco da Gama. "Da Índia" (fundo do mar), trazia uma mão cheia de areia.
Nessa altura ele dizia que tínhamos pele de ciganos.

Hoje em dia ainda me sinto criança mas o meu pai é agricultor. E tem bigode.
Continua a deixar a minha mãe aflita quando insiste nas corridas mesmo depois das operações às hérnias. Eu já não sinto necessidade de me agarrar à perna dele mas adoro sentar-me no colo. Acho que ele é muito teimoso mas eu também sou, de vez em quando. A maioria das coisas que ele faz, e que nos irritam um pouco, são as mesmas que, contadas a meio de um almoço, nos fazem rir à gargalhada. Não consegue dizer "não" à neta mas, conversando, consegue que ela mude de opinião. 
Ele continua com pele de cigano e hoje celebra mais um ano de vida. 

Parabéns Pai.
Até logo.


When I was a child my father was a professor of mathematics and had a mustache. 
By then, he used to dance with me songs of Carlos Paião and taught me how to swim. I was always close to him and clinging to his leg. When the electricity failed, at home, we would light a candle and sang while he played the viola. During the summer holidays, he spent hours with me making sand castles with thin sand of Algarve, we could be in the area of wet sand there because the water was warm and the waves did not dragged us with them. We also had a rubber boat, blue and white, with oars, in which he used to take me to "deep sea" and, despite my mother's panic face, plunged into the ocean. I was left alone on board, indecisive between being panic or the joy of seeing him pretend he was Vasco da Gama. "From India" (seabed), he always brought me a handful of sand. 
At that time he said he our skin was like gypsies.

Today I am still a child but my father is a farmer. And has a mustache. 
He continues to leave my mother stressed when he insists in running even after the several operations to hernias. I no longer feel the need to cling to his leg but I love to sit on his lap. I think he is very stubborn but I am also, sometimes. Most of the things he does, and that slightly irritate us, are the same, when told the middle of a family lunch, that make us all laugh out loud. He can not say "no" to his granddaughter, but just by talking to her, he can make her change her mind. 
He continues to have a gipsy skin and today he celebrates another birthday.
Congratulations Father 
See you later.

17 comentários:

  1. :D
    Os Parabéns para o teu Papi*
    Que seja festejado em grande mais um anito!!!!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Parabéns a esse senhor tão especial:) bj!

    ResponderEliminar
  3. Que post tão bom! :)
    Tenham um dia feliz! Parabéns.

    ResponderEliminar
  4. Este texto tem tanto amor dentro que me deixou comovida.

    parabéns ao pai que tens e à filha que és.

    Bjs

    ResponderEliminar
  5. Obrigada :D

    Alice, fico contente em saber que transmiti bem a mensagem;) beijinho

    ResponderEliminar
  6. Eu tb adoro MUITO o meu pai por isso parabéns ao teu papá!!!

    Beijos doces xxxx

    ResponderEliminar
  7. Uma ternura! Obrigada por este momento lindo! Alexandra

    ResponderEliminar
  8. Este post... Enfim...
    Acho que a vida é um ciclo e as pessoas recebem o que dão. Parabéns ao teu papá, que viva muitos e muitos anos. Beijinhos <3

    ResponderEliminar
  9. Happy birthday to him!! Please give him my wishes :) (to your mom too:)

    ResponderEliminar
  10. Coisa linda de se ler!!! Muitos parabéns!! Ele fez um excelente trabalho! A foto está o máximo, a gabriela, de facto, é parecida contigo! beijocas grandes

    ResponderEliminar
  11. Que palavras lindas :) Devias escrevê-las para ele. Certamente que ele também iria gostar.
    Prenda original e muito fofa :)
    Parabéns ao teu pai!
    Muahs

    blondeisland.blogspot.com

    ResponderEliminar
  12. Parabéns ao teu pais e parabéns aos dois, pela bonita relação!

    ResponderEliminar
  13. Grande texto Art! Quem me dera ainda poder dar os parabéns ao meu pai! Goza bem da sua companhia. É única e insubstituível!
    Parabéns pelo Blogue!

    ResponderEliminar
  14. Parabéns ao teu pai... Agora fiquei com saudades do meu, que partiu há 11 anos.

    ResponderEliminar
  15. obrigada, obrigada!!
    beijinhos

    thank you, Athanasia. Big hug ;)

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.
Design + development by MunichParis Design