It's a secret...


Ao mesmo tempo que receio que alguém me "roube" a ideia, vou partilhar convosco um segredo para tentar prevenir que não caia nas mãos erradas. Estou apaixonada por uma loja. Esta loja custa muito mais que uma mala Chanel (não resisto à provocação) e é o meu desejo consumista do momento. Atire a primeira pedra quem não tem o seu. As minúsculas placas a dizer "Aluga-se" chamam por mim como se de diamantes se tratassem. Adoro a diferença do formato exterior mas, principalmente, derreto-me pelo seu interior. É melhor que um ovo Kinder. Como se já não bastasse o pormenor dos azulejos mais bonitos de todo o sempre na fachada, ao encostar o nariz no vidro o interior deixa-me rendida. Ao regressar da casa, vinda da peixaria, não consigo evitar passar por aquela esquina, espreitar e sonhar, imaginar este espaço com aquelas prateleiras todas pintadas de brancas e aquele balcão em tom de madeira, a fazer ligação com as cores do pavimento. O recheio seria 100% de peças feitas à mão e eu estaria, orgulhosa, do outro lado do balcão a receber as pessoas.
Provavelmente fecharia passados poucos meses, incapaz de fazer frente às lojas asiáticas que proliferam como cogumelos, pela cidade. Mas durante esse tempo estaria feliz e orgulhosa. Por isso, quem puder, roube-me a ideia, por favor. Serei cliente assídua. Antes isso ao medo do que aí possa vir. Mil vezes isso à ideia de ver este espaço adulterado e recheado de mais do mesmo. 
Por isso partilho este segredo e digo bem alto: roubem-me a ideia... rápido, por favor.

Despite the fear that someone would "steal" the idea, I'll share a secret with you today, to try to prevent it from falling into the wrong hands. I'm in love with a store. This shop costs more than a Chanel bag and is my consumerist desire of the moment. Who hasn't got one? The tiny sign saying "For rent" calls for me as if they were diamonds inside. The tiles on the exterior are my favorite and when I glue my nose to the glass, the inside melts my heart. It is better that a Kinder egg. When returning home, coming from the fishmarket, I can not avoid going through that corner, stalking and dreaming, imagine this space with all those shelves painted white and the counter in wood tone, making connection with the colors of the floor. The filling would be 100% handmade pieces and I would proudly be on the other side of the counter, welcoming people. 
Probably it would only be open for a few months, unable to cope with the asian shops that proliferate like mushrooms in the city. But during that time I would be happy and proud. Therefore, those who can and might be interested, steal me the idea, please. I will be your best customer. Please don't let this space become "more of the same". So I share this secret with and repeat loudly: steal me the idea ... fast, please.

14 comentários

  1. Bolas, adorava, que espaço lindo!
    Será que a Catarina Portas gostaria de abrir uma sucursal da Vida portuguesa aí?

    ResponderEliminar
  2. QUe lindo, eu acho que nem lhe tocava so enchia as prateleiras cheias de cor e vida ;-)
    bjinhoss mas infelizmente tambem nao e' para mim :(

    ResponderEliminar
  3. UAU! Que espaço fantástico!! Pelas fotos percebo porque te faz sonhar! Seria uma ideia fantástica, pode ser que um dia possa ser concretizada.
    Por enquanto acho que ficamos todos a desejar que o prepósito da próxima ocupação deste espaço seja fiel à sua magia.
    Obrigada pela partilha :)

    ResponderEliminar
  4. Igualzinha a uma loja que há aqui na minha aldeia e que infelizmente está num estado muito mais degradado. Lembro-me muito bem de lá ir com a minha avó comprar tecidos quando era miúda. Os donos faleceram e nunca mais ninguém pegou na loja, uma pena...
    bj!

    ResponderEliminar
  5. A fachada é fabulosaaaaa e de certeza que tu transformavas o interior em algo de sonho.

    ResponderEliminar
  6. Analog, é do tipo de espaços que ela costuma gostar :)

    miss america, eu gosto do branco como base para depois encher de cor, no chão e no balcão é que não tocava (só limpava).

    M, é isso que desejo, que não seja descaracterizado :)

    Teresa, sim!!

    Rita, a vantagem desta é que esteve ocupada até há relativamente pouco tempo, não está no melhor estado mas não está em ruína... quem me dera por as mãos neste espaço.

    Pepper, adoraria :P

    ResponderEliminar
  7. Ai ai, como te compreendo... e o espaço é lindo de morrer, sobretudo esse interior! Esperemos que ninguém dê cabo dele :)

    ResponderEliminar
  8. É tão bonita. Eu espero mesmo que não seja assassinada. Fica a promessa: se eu tromepeçar numa mala cheia de notas, fazemos sociedade! :)

    ResponderEliminar
  9. sim Ana... arrisco a dizer que é perfeita :P

    Vera, combinado!

    ResponderEliminar
  10. Se me sair o euromilhões fazemos sociedade, ok?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Mary Brown, combinado. Vamos ver se te sai primeiro o Euromilhões, ou se a Vera tropeça numa mala cheia de notas :D Fico a aguardar notícias :D

    ResponderEliminar
  12. Que liiiindo, as historis que esse sitio devem guardar. Hmmm... A minha casa de chá devia ficar tão linda aí ^^

    ResponderEliminar
  13. É linda,fantástica! Adoraria roubar-te o segredo, melhor ainda... partilhava-o contigo se pudesse! ;)
    Esperemos que quem vier, não estrague esse belo espaço.

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.