x

O tempo e as escolhas /// Time and choices


Acreditem quando vos digo que, para mim, o dia de anos dela é melhor que o Natal. Não é exagero. Ontem foi véspera de Natal lá em casa :) O pormenor do monte de loiça e sala por arrumar pela noite dentro, cansa mas é apenas o prolongamento do prazer de festejar o dia em que ela - finalmente - 41 semanas depois, decidiu sair da minha barriga. Vê-la feliz, faz-me feliz. E se isso significar desarrumar a casa toda, seja.
Inevitável não fazer uma retrospectiva (rápida porque sou pouco dada a saudosismos) dos últimos cinco anos. Dos dias em que dependia exclusivamente de mim para crescer, desses momentos em que ela, literalmente, bebia de mim enquanto eu absorvia todos os detalhes do corpo que ajudei a desenvolver. Dentro de mim. Repito, dentro de mim. 
Se há quem ande toda a vida à procura do seu significado, eu já o encontrei. 
Eram 13h25 do dia 7 de Outubro de 2008. 
Depois disso, todos os dias, eu deixo-a ir. Sei que será sempre minha mas é cada vez mais de tudo o resto. De tudo o que a rodeia e a deixa curiosa. Dos porquês e das certezas que lhe vão surgindo, todos os dias. Da certeza naquilo que a faz sentir bem e nas escolhas que faz. Por isso quando me disse que o Ballet se calhar era um bocado seca, eu disse que não, que ia ser bom. Que se ia vestir de princesa e dançar músicas bonitas. Mas quando ela perguntou "vou dançar Bruno Mars?" eu esqueci aquela ideia de começar pelas bases, pelo clássico. Bla bla bla. Esqueci porque já me basta a tristeza do rapaz ter ido dar o concerto a Lisboa e tentar explicar à minha filha que não adiantava enviar-lhe um email a pedir para vir ao Porto. Agora ela é feliz a dançar HipHop. E a felicidade é tal que as aulas se prolongam pela rua fora... e em casa continuamos a dançar. Felizes com as nossas escolhas.


Believe me when I say that, for me ,her birthday is better than Christmas. I'm not exaggerating . Yesterday was Christmas Eve at our home :) The detail of the mountain of dishes to clean durin the night is tiring but it's just prolonging the pleasure of celebrating the day she - finally - 41 weeks later, decided to leave my belly. Seeing her happy makes me happy. And if it means messing up the whole house, so be it.It is inevitable not to quickly look back the last five years. Since the days she depended solely on me to grow up, these moments where she literally drank me, as I absorbed every detail of the body that I helped develop. Inside me. I repeat, inside me.If there are those who spend the whole life searching for its meaning, I've found it.It was 13h25 of 7 October 2008 .After that , every day, I let her go. I know she will always be mine, but is increasingly everything else. Everything that surrounds her and makes her curious. The whys and the certainty that occur to her every day. The certainty of what makes her feel good and the choices she makes. So when she said that "maybe Ballet is a bit boring", I said no, that it would be very good. That she would wear princess clothes and dance beautiful music. But when she asked "will I dance Bruno Mars?" I forgot everything,  that idea to you have to start with the classics. Bla bla bla . I forgot it because I have recently had to explain to her why she couldn't go to Bruno Mars concert, at Lisbon and tried to explain to my daughter that it was useless to send him an email asking him to come to Porto. So now she is happy dancing HipHop. The happiness is such that classes extende along the street... and at home we continue to dance. Happy with our choices .

12 comentários:

  1. Demais!!!

    Só pelas fotos vejo que ela é mais hip hop que ballet... adoro as perneiras!

    Parabéns novamente, e muitas danças!

    Beijinhos x

    ResponderEliminar
  2. Acho muito bem que não tenhas imposto o ballet à moça. Fica tão gira de "hip hopiana"! lol
    Adorei o texto.
    Beijinhos <3

    ResponderEliminar
  3. A segunda foto está demais!
    Que ela continue a ser essa criança feliz e cheia de vida!

    (eu também achava o ballet uma seca!)

    ResponderEliminar
  4. Que post tão doce! :)

    Parabéns para a pequena Gabriela!

    ResponderEliminar
  5. Pois a liberdade do hip hop é bem diferente da "frieza" do ballet. Just move Gabriela:) Parabéns!

    ResponderEliminar
  6. Parabéns, o tempo passa a correr a minha nasceu em Janeiro e parece que já lá vai uma eternidade, está linda e grande.
    Fizeste bem em deixar atua filhota dançar hiphop, pelas fotos parece que ela é feliz nesse registo ;-)

    ResponderEliminar
  7. eh eh eh
    É agitar o esqueleto!!!!!!!
    :D

    ResponderEliminar
  8. Paula, ela anda mesmo "doida de alegria" com as aulas :) Beijos

    Blue, eu não queria era impor o HipHop, por isso fiquei feliz que fosse ela a decidir :)

    Analog, eu tb acho que ela não ia gostar tanto ;)

    S_algadinha, obrigada:)

    Rita, sim! como a maioria das amigas andam no Ballet, eu não queria impor esta escolha :) beijos para vocês

    Beauty Fashion Lounge, eu tb dancei HipHop muitos anos, por isso queria é que fosse ela a escolher e não eu a impor. estou super feliz :)

    Candybabe, é mesmo!!! Beijo grande

    ResponderEliminar
  9. Que giro... a minha Gabriela tb só veio conhecer-nos às 41 semanas, e é uma bailarina e pêras! ;) Parabéns, um pouquinho atrasados.

    ResponderEliminar
  10. Que delícia!
    Aposto que ela é bem mais feliz sem o tule todo a volta da cintura.
    A segunda foto mostra bem o quanto ela desfruta da danca.
    Parabens a voces :)
    Parabéns à Gabriela!

    ResponderEliminar
  11. Ja disse que adoro o nome dela?!
    Cá em casa é versão masculina :)

    ResponderEliminar
  12. Que giro Magda E. :)

    Ombemua, sim já me tinhas dito! também gosto muito da versão masculina do nome :))

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.
Design + development by MunichParis Design