Introdução às caminhadas ::: Introduction to hiking

Antes de sermos três e ainda nos tempos em que não tínhamos anel no dedo, um dos nossos hobbies preferidos eram as caminhadas. Grande parte dos percursos pedonais nas serras do Gerês e da Freita, em grupo ou a dois, acabamos por conhecer. De mochila às costas e de máquina fotográfica na mão, apesar destas serras nos serem cada vez mais familiares, fomos sempre surpreendidos por paisagens deslumbrantes que nos faziam parar e simplesmente olhar e absorver o que estava à nossa frente. 
Depois da nossa filha nascer, sem dramas nem queixas do tipo "a minha vida já não é o que era", optamos por actividades em que ela pudesse estar incluída e deixamos as caminhadas para uma altura em que ela apreciasse os pormenores e se apaixonasse, tal como nós, por andar de botas pelos caminhos de Portugal. 
E a altura chegou.
Aos poucos estamos a introduzir a mais pequena na paixão pelas caminhadas. Em Andorra já tínhamos feito um teste e comprovado que o momento era certo e felizmente, basta sair de casa para termos alternativas óptimas para um passeio mais tranquilo e aventureiro.
Para já temos limitado as caminhadas a uma hora e ela aguenta bem. Normalmente rumamos a norte, entre as dunas e ao lado da linha do comboio, que cumprimentamos sempre que passa por nós. Desta vez fomos em direcção a sul. Deixamos a confusão da marginal de domingo para trás e encontramos o cenário perfeito para mais uma aventura. Acho que vai ser nesta Primavera que lhe vou comprar as primeiras botas para caminhadas. Ela está, tal como nós completamente viciada. 

 ::: Please scroll down for english :::

Before we were three and even back to the days we weren't married, one of our favorite hobbies was hiking. We did most of the footpaths in the mountains of Gerês and Freita, in a group or only the two of us. With our backpack in our back and camera in our hand, we were always surprised by stunning sceneries that made us stop and simply look and absorb what was ahead.After our daughter was born, with no drama or complaints like "my life is not what it used to be" we decided to chose activities that she could be included and left hiking for a while, until we knew she would enjoy the details and fall in love, like us, by walking with her boots through the paths of Portugal.And the time has come.Slowly we are introducing our daughter in the passion for hiking. In Andorra we had already done a test and confirmed that the time was right and thankfully, we just have to get outside our doorstep to have great alternatives for a more peaceful and adventurous walk.For now, we have already limited the walks to an hour long and she handles that very well . Normally we head north , between the dunes and beside the rail line (and we greet the trains that are passing by us). This time we decided to head south. We left the confusion of a Sunday afternoon behind us and found the perfect setting for another adventure. I think this Spring I'll buy her the first hiking boots. She is, as we are, completely hooked in hiking.

2 comentários

  1. E nao ha vicio mais saudavel, no tambem agora continuam as caminhadas mas mais atentos se o carrinho pode ir, e temos descoberto lugares mais urbanos mas muito interessantes
    Bjocass
    As fotos estao o maximo

    ResponderEliminar
  2. :) As fotos estão lindas!

    Ainda não experimentei o passadiço para Sul. Um dia destes, quem sabe...

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.