Um quarto e duas crianças: 4 dicas

Cada vez é mais comum haver necessidade de pensar num quarto para duas crianças e como recebo, de vez em quando, emails com perguntas relacionadas com o tema, resolvi preparar este post com algumas dicas - que esperam serem úteis - na hora de brincarem ao "Filhos, mudei-vos o quarto". As imagens que vos apresento são apenas ilustrativas e o tipo de decoração pode variar conforme o gosto de cada um.
BELICHE
Acaba por ser a solução quase óbvia, principalmente quando a área do quarto não é muita e os brinquedos têm tendência a dominar o espaço. Neste caso mostro-vos uma solução em que a cama inferior não está completamente tapada (eu sempre tive um medo terrível de dormir com outra cama em cima de mim) e cria algumas zonas de arrumação sempre úteis.

RISCAS
O mais comum é forrar uma parede com papel/ pintar de outra cor ou então criar um lambrim (o azul na imagem em baixo) mas vocês não fazem ideia do poder que umas riscas horizontais têm num quarto pequeno. Imediatamente o espaço parece ampliado. Quem tem coragem de arriscar?
DUAS CAMAS
Quando o espaço permite a colocação de duas camas, porque não escolher um canto do quarto e, partilhando uma só mesinha de cabeceira, colar as camas perpendiculares e libertar o espaço central para as brincadeiras?
TAPETE
Independentemente de usarmos camas ou beliches, na maioria dos quartos partilhados, resulta sempre bem a escolha de um grande tapetão em vez de dois ou três mais pequenos.
MÓVEIS 
Hoje em dia existe muita oferta em móveis simples a preços acessíveis. Quando o espaço é pequeno nada melhor que usar a arrumação a nosso favor e com muita criatividade. Os móveis podem ser um banco à janela ou o espaço perfeito para criar a biblioteca super especial para os pequenotes descobrirem os prazeres da leitura.

COR
Independentemente da solução ser para dois rapazes, duas raparigas ou um quarto misto, acho importante criarem, nem que seja mentalmente, uma palete com um máximo de 3 cores base. Na minha opinião - muito pessoal - quando mais abundar uma cor neutra melhor. Pode ser o branco, um cinza ou um tom areia, depende dos gostos de cada um. Escolham mais um ou dois tons que se complementem para pintalgar o quarto com alguma cor e o super colorido dos brinquedos fazem o resto.

Todas as imagens via Shelterness

3 comentários

  1. Não perguntei mas agradeço… andam ideias a fervilhar na minha tola :)

    ResponderEliminar
  2. Eu lembrei-me de ti Paula, e como recebi dois emails sobre o tema, voilá! já tinha assunto para um post. Se precisares de dicas é só dizer :)
    Beijos

    ResponderEliminar
  3. Adoro as dicas. Não que esteja para acontecer ter um filho em breve (muito menos dois), mas adoro quartos de criança e adoro estas ideias... :)

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.