Querido, mudei a sala

 poltronas (link) ||| tapete (link) ||| estante (link)
PT
Alguns dias de ausência do blogue mas um acumular de muitas novidades para partilhar convosco. Depois das obras vem a bonança e a nossa sala de estar está, finalmente, transformada num espaço funcional e útil. Como fica no piso inferior da casa, é ao fim de semana que lhe damos mais uso e talvez por isso - e por uma questão de t€mpo - era um depósito do que não era necessário no piso de cima (onde passamos a maior parte dos nossos dias).

As obras para resolver a humidade típica de sermos vizinhos do Atlântico, foram a desculpa perfeita para destralhar este espaço e torná-lo... nosso. Para mim, a decoração de uma casa deve obedecer a uma única regra: ser o reflexo de quem a vive. No meu caso, gosto de espaços minimalistas q.b. porque não consigo imaginar-me a viver sem estar rodeada de fotografias, quadros e livros. E foram os livros o ponto de partida para a transformação de um recanto da sala abandonado. Até agora tinha-os no escritório, arrumadinhos mas demasiado longe do alcance da minha filha, que é exatamente o oposto que eu quero que aconteça. Tenho tantos livros de Arte com imagens tão bonitas e textos tão inspiradores que quero que ela lhes pegue, quando e quantas vezes lhe apetecer. Agora estão todos na nossa nova biblioteca, junto de dois cadeirões onde podemos conversar sobre o motivo porque o Van Gogh cortou a orelha, muito mais confortáveis. 
Fiquem com as imagens. Em breve mostro o que tenho planeado para a parede atrás da TV... vai ficar a nossa cara. 
(please scroll down for english)

 EN
Some absent days from blog but with lots of news to share with you. Our living room is finally transformed into a functional and useful space. As it is located on the lower floor of the house, we use it mostly on weekends and maybe for that reason This division was full with the "leftovers" of furniture that was not necessary on the rest of the house.

For me, home decor must obey one rule: to be the reflection of those who live in it. In my case, I like minimalist spaces but I can not imagine myself living without being surrounded by photographs, paintings and books. And books were exactly the starting point for the transformation of an abandoned corner of the room. Until now we had them in my office, uptight but too far away for my daughter, which is exactly the opposite of what I want to happen. I have so many art books with such beautiful images and inspiring texts that I want her to be able to grab one, when and how often she desires. Now they are all in our new library, with two chairs where we can talk about the reason why Van Gogh cut off his ear, much more comfortable.
Enjoy the images. Soon I'll show what I have planned for the wall behind the TV. Stay tunned.

4 comentários

  1. Não vi o antes mas este depois está maravilhoso! Imagino-vos 'espojadas' nesse tapete a folhear os tesouros que agora colocaste mais à mão. Tenho de ir buscar o meu Leonardo desenhos e esboços ao escritório. Acho que os meus pequenos nunca o viram! Beijinhos xx

    ResponderEliminar
  2. O antes era demasiado triste e vazio :D

    Sim, vai buscar o Leonardo, é fantástico!

    ResponderEliminar
  3. Obrigada Sónia! :) E está funcional... este canto da sala era completamente inútil e desaproveitado.

    ResponderEliminar

Com tecnologia do Blogger.